30 março 2012

Faltam 4 dias, Blogueiras unidas

Vamos lá meninas, vamos nos juntar!!! maiores informações no link  http://www.parceriaentreblogsdeartesanato.blogspot.com.br/



Mesversário 1 ano e 4 meses

Meu Vítor está uma figura, grande, me chama pra brincar, estou sentada ele puxa minha mão para brincarmos no chão, gosta de dormir levando leves tapinhas no bumbum, e quando não faço ele pega a minha mão e coloca em cima do seu bumbum! Muito fofinho.
Meche em tudo, e está muito esperto, cada dia mais, não pode ouvir uma música que dança, muito legal esse desenvolvimento das nossas crianças.
Parabéns por mais esse mesversário meu bebê!








Pensamento da semana


"Que não nos faltem bons sentimentos. Que nos falte egoísmo. Que nos sobre paciência. Que sejamos capazes de enxergar algo de bom em cada momento ruim que nos acontecer. Que não nos falte esperança. Que novos amigos cheguem. Que antigos sejam reencontrados. Que cada caminho escolhido nos reserve boas surpresas. Que a cada sorriso que uma criança der nos faça ter um bom dia e enxergar uma nova esperança. Que cada um de nós saiba ouvir cada conselho dado por uma pessoa mais velha. Que não nos falte vontade de sorrir. Que sejamos leves. Que sejamos livres de preconceitos. Que nenhum de nós se esqueça da força que possui. Que não nos falte fé e amor."
.
Caio Fernando Abreu.





29 março 2012

A adolescência do bebê


O seu pequenino anda rebelde?


Ele pode estar entrando na adolescência! É isso mesmo, a Adolescência do Bebê, ou “Terrible Two”, termo americano utilizado para designar o período comportamental que a criança atravessa por volta dos dois anos de idade (com variações para mais ou para menos, dependendo de cada criança).
É a famosa fase da negação e dos escândalos, quando o seu até então “anjinho” passar a falar não para tudo, até para coisas que antes adorava ou cotidianas, como tomar banho, escovar os dentes, colocar roupa… Tudo vira uma tortura e motivo para muita birra.
Mas fique tranquila: além de normal e passageira, esta fase faz parte e é importante para o desenvolvimento do bebê, que começa a se perceber como indivíduo e a querer demonstrar o seu crescimento e recém adquirida “independência” para os papais, mas ainda não tem as ferramentas verbais ou gestuais para isso (e aí dá-lhe não, esse sim ele sabe dizer firme e forte!).
Há várias dicas de especialistas sobre como lidar com esta fase, que incluem estabelecer uma rotina, brincar em espaços mais abertos e oferecer opções (perguntar, por exemplo, se a criança quer comer arroz ou batata, ao invés de oferecer só um dos alimentos – “não” na certa).
Mas, na verdade, o segredo para ultrapassar a tempestade é um só: paciência. Muita paciência. Essa mesma, que você vem cultivando desde os primeiros segundos da gravidez.
E prepare-se para muitos “nãos” e alguns “chiliques”, com sorte em casa, mas mais provavelmente em público. É nesta hora que muitas mamães aprendem a nunca mais na vida proferir a frase “ah se fosse meu filho…”.


by bebêboom.com.br








28 março 2012

Inicio da Amamentação



Bom vim escrever um pouco e o tema é AMAMENTAÇÃO, tema polêmico, alguns a favor outros contra, enfim vim contar a minha experiência.
Quando engravidei eu pesquisava diariamente em todos os sites sobre gravidez, bebes e todos os assuntos relacionados a esse universo.
Sempre quis amamentar, acho que esse ato além de alimentar o bebê com o que há de mais saudável em vitaminas também fornece imunidade sem igual e fora claro que  fortalece o laço entre mamãe e bebê.
Nas propagandas na tv as mães amamentavam dando risada e tudo parecia normal, enfim nunca fui orientada pela minha GO sobre a preparação do seio e eu não tinha bico algum., cheguei até a perguntar e ela me disse que não era preciso fazer nada, e foi exatamente isso que eu fiz NADA na gestação toda.
Bom, o nenê nasceu e conforme foi cesariana demorou umas 10 horas para tomar o leite materno, e la fui eu toda desajeitada com aquele pedaço de gente nos braços a dar de mamar, não sabia direito qual a melhor posição enfim... Não doeu
Meu Vítor sempre foi muito esfomeado parecia que  não saciava, eu achei que não tinha leite o suficiente, ou que o leite era fraco, essas coisas que toda mãe pensa eu acho! O  fato era que ele queria ficar grudado naquela posição horas a fio, la na maternidade confesso que cheguei a pedir a enfermeira umas duas ou três vezes que desse mamadeira a ele com o leite industrializado, pois estava muito cansada devido o parto e não estava aguentando.
Em casa a mesma coisa ele não largava de jeito nenhum, mamava sei la de meia em meia hora, não tinha tempo nem de ir ao banheiro, sério de verdade, mas coloquei na cabeça que iria amamenta-lo exclusivamente.
E assim foi, mas nessa altura meu seio estava todo dolorido e rachado, e a cada vez que meu pequeno acordava eu orava a Deus com todas minhas forças para que eu conseguisse alimenta-lo sem sentir dor, uma dor tão grande que nunca pensei em sentir na vida, escorria sangue junto com o leite e ele mamava mesmo assim (OH FOME), e eu chorava de dor toda vez que ele pegava, não dava tempo das rachaduras cicatrizarem, fora que sentia uma dor nas costas absurda, acho que devido a posição que ficava horas a fio amamentando e devido o desaparecimento da barriga mudou o centro de gravidade do corpo sei lá, uma dor que durou umas duas semanas, não havia remédio ou pomada que passasse , usei no seio uma pomada lansinon se não me engano, que ajudou um pouco, mas mesmo assim doía demais, usei casca de banana e camomila , que davam uma aliviada também por conta de estar geladinho pois ficava na geladeira já pronta (dicas da mamãe que estava na minha casa me ajudando nos primeiros dias), sofri, uns 20 dias mais ou menos sentindo muita dor, mas todo noite agradecia a Deus por ter conseguido mais um dia amamentar sem usar nenhum outro tipo de leite, foi difícil, mesmo porque minha mãe vendo minha aflição sugeria varias vezes a dar mamadeira, mas eu não cedi, tinha medo dele se acostumar com  a mamadeira que é mais fácil a sucção e não querer mais o leite materno.
Mas  valeu a pena, com o passar do tempo o seio foi calejando e tudo ficou muito mais simples, Vítor continuava a mamar demais, me lembro que no nosso primeiro réveillon juntos ele tinha apenas 1 mês e passou a madrugada toda no peito.
Não me arrependo, faria tudo novamente se preciso, Vítor tem uma saúde de ferro graças a Deus, conto nos dedos de uma só mão as vezes que ficou resfriado, e nada mais, acredito que o leite materno exclusivo até os seis meses fizeram a total diferença em sua imunidade, inclusive ele só largou o seio quando já estava com 1 ano e um mês, mas porque eu insisti muito  (precisava voltar a trabalhar fora) veja aqui, aqui ou aqui os posts sobre   o desmame, mas se pudesse dar um conselho a uma nova mamãe que está sofrendo com inicio da amamentação eu diria, não desista, persista, seu bebê mereçe o melhor, sinta a dor, pois ela vai passar e vai ser muito gratificante você alimentar seu bebê, saber que ele está crescendo graças ao seu leite, fora o contato sem igual que você tem o seu filho (a), e ver o sorriso em seu rosto depois de estar satisfeito depois de mamar não tem preço!







23 março 2012

Pensamento da Semana

‎"É exatamente disso que a vida é feita, de momentos. Momentos que temos que passar, sendo bons ou ruins, para o nosso próprio aprendizado. Nunca esquecendo do mais importante: nada nessa vida é por acaso. Absolutamente nada. Por isso, temos que nos preocupar em fazer a nossa parte, da melhor forma possível. A vida nem sempre segue a nossa vontade, mas ela é perfeita naquilo que tem que ser."
.
Chico Xavier.





21 março 2012

Novidade fresquinha!










Então meninas, acabei de assinar o contrato de venda da minha casa, já fazia três meses que tinha colocado a venda e agora deu certo, pretendo comprar um imóvel perto da casa da mamãe, (pra ficar mais fácil a questão da logística por causa do bebê,) assim que voltar a trabalhar quero que minha mãe fique com ele "sendo remunerada é claro pois não acho justo não ganhar nada, afinal ela deixará de trabalhar e ganhar seu dinheiro."

Enfim, estamos muitos felizes pois também a intenção é comprar uma casa maior, para ficarmos mais confortável e claro para que o bebê tenha onde brincar!  
Agora teremos que correr atras de um imóvel o mais rápido possível, mas confio em Deus e sei que ele está preparando um lar especial, onde seremos muito mais felizes do que já somos.
É isso, não aguentava mais de ansiedade, e agora mais ainda, mas pelo menos estou dividindo com vocês.
beijinhos





Pensamento do Dia: Carta de pai ao filho


Amado Filho,


O dia em que este velho já não for o mesmo, tenha paciência e me compreenda.
Quando eu derramar comida sobre minha camisa e esquecer como amarrar meus sapatos, tenha paciência comigo e se lembre das horas que passei te ensinando a fazer as mesmas coisas.
Se quando conversa comigo, repito e repito as mesmas palavras e sabes de sobra como termina, não me interrompas e me escute. Quando era pequeno, para que dormisse, tive que contar-lhe milhares de vezes a mesma estória até que fechasse os olhinhos.
Quando estivermos reunidos e, sem querer, fizer minhas necessidades, não fique com vergonha e compreenda que não tenho a culpa disto, pois já não as posso controlar. Pensa quantas vezes quando menino te ajudei e estive pacientemente a seu lado esperando que terminasse o que estava fazendo.
Não me reproves porque não queira tomar banho; não me chames a atenção por isto. Lembre-se dos momentos que te persegui e os mil pretextos que tive que inventar para tornar mais agradável o seu banho.
Quando me vejas inútil e ignorante na frente de todas as coisas tecnológicas que já não poderei entender, te suplico que me dê todo o tempo que seja necessário para não me machucar com o seu sorriso sarcástico. Lembre-se que fui eu quem te ensinou tantas coisas.
Comer, se vestir e como enfrentar a vida tão bem com o faz, são produto de meu esforço e perseverança.
Quando em algum momento, enquanto conversamos, eu chegue a me esquecer do que estávamos falando, me dê todo o tempo que seja necessário até que eu me lembre, e se não posso fazê-lo não fique impaciente; talvez não fosse importante o que falava e a única coisa que queria era estar contigo e que me escutasse nesse momento.
Se alguma vez já não quero comer, não insistas. Sei quando posso e quando não devo.
Também compreenda que, com o tempo, já não tenho dentes para morder, nem gosto para sentir.
Quando minhas pernas falharem por estarem cansadas para andar, dá-me sua mão terna para me apoiar, como eu o fiz quando começou a caminhar com suas fracas perninhas.
Por último, quando algum dia me ouvir dizer que já não quero viver e só quero morrer, não te enfades. Algum dia entenderás que isto não tem a ver com seu carinho ou o quanto te amei.
Trate de compreender que já não vivo, senão que sobrevivo, e isto não é viver.
Sempre quis o melhor para você e preparei os caminhos que deve percorrer.
Então pense que com este passo que me adianto a dar, estarei construindo para você outra rota em outro tempo, porém sempre contigo.
Não se sinta triste, enojado ou impotente por me ver assim. Dá-me seu coração, compreenda-me e me apóie como o fiz quando começaste a viver.
Da mesma maneira que te acompanhei em seu caminho, te peço que me acompanhe para terminar o meu.
Dê-me amor e paciência, que te devolverei gratidão e sorrisos com o imenso amor que tenho por você.


Atenciosamente,


Teu Velho

19 março 2012

Não to boa!

Aff, tem dias que dá vontade de ser  um tatu, se esconder debaixo da terra e ficar lá até quando der na telha, hoje foi um dia daqueles...
Acordei de mal humor, sei la porque, acho porque dormi mal, não descansei direito, uma dor de cabeça horrível e nenhum analgésico, só o do bebe, será que resolve?
Farmácia longe, não dá pra ir com ele no colo, vou ter que ficar com ela, briguei com marido, soltei os cachorros, falei bobagens, mas algumas verdades.
Enfim... vou tomar um banho, e uma boa noite de sono me ajudará a acordar melhor amanhã, assim espero.
Resolver a questão com maridão, afinal de contas estamos vivendo um momento bem legal, mudanças em vista!
Em breve novidades no ar.







16 março 2012

Pensamento da semana

‎"Procurando o bem para os nossos semelhantes encontramos o nosso" 


Platão





Engraçado + Arte de Ontem!

To achando muito engraçado uma coisa: Já tem alguns dias que quero postar isso, mas acabo esquecendo.
Hora de comer, ele já sabe, eu falo vamos papa, ele repete papa e vem  pra eu coloca-lo no cadeirão, assim que o coloco ele dá uma boa olhada no prato que sempre está em cima da mesa, ao lado dele, rs, ele analisa mesmo o que é que tem para comer, pode?
E agora toda refeição é a mesma coisa, espero que não se recuse a comer alguns alimentos... como é bom sonhar kkkkkkkkkk.
Prepara o jantar enquanto Vítor mexia nos armários da cozinha, pegava um por um dos mantimentos ( maionese, seleta de legumes, batata palha entre outros e jogava do outro lado do portãozinho que separa a cozinha da lavanderia, deixei pois estava ocupada, heis que quando terminei o jantar, fui dar uma olhada e estava uma bagunça, até ai tudo bem, pois já era previsto, mas com o impacto da caída do extrato de tomate o mesmo se abriu e estava a maior melequeira vejam: E o pior é que a cachorra estava lambendo tudo, na hora fiquei brava, mas tirei foto e depois que limpei tudo já estava achando graça.











15 março 2012

Ansiosa

Estou roendo as unhas de tanta ansiedade, logo mais teremos novidades, aguardem!





14 março 2012

Fase da imitação

Oi pessoal, estou aqui para contar as novas descobertas do Vítor:
Ele está na fase de imitar, observa o que eu ou o pai principalmente está fazendo para logo após copiar exatamente igual, uma fofura.
Ontem terminei de dar o almoço e fui passar um pano com álcool no cadeirão ele observou e tirou o pano da minha mão e passou tb no cadeirão rs, hoje peguei um molho de chaves para abrir um armário e não estava conseguindo colocar a chave dentro do cadeado, pois bem logo que terminei ele pegou a chave e ficou tentando colocar tb dentro do cadeado.
Entende tudo, tudo mesmo, e já está manifestando seus desejos e independência, já estou me preparando para a fase dos chiliques e birras rs, embora nem eu nem o pai de moleza quando o assunto é manhã, as avós estragam tudo né? Afinal vó é mãe com açúcar!!!  
bjs e até o próximo post. 








Lua de Mel

Viajamos para perto pois a grana estava curta por conta dos gastos com o casório, fomos para Ilha Bela (litoral norte), um lugar abençoado por Deus, muito bonito, ja tinha ido algumas vezes, mas dessa vez foi especial, olhei a cidade com outros olhos, olhos de alguém apaixonado!
Ficamos 5 dias e aproveitamos cada momento, a pousada que ficamos foi nota 10, muito aconchegante, fizemos vários passeios, entre cachoeiras, praias, restaurantes...
Estava ansiosa para voltar, afinal, seria o começo da vida de casada, minha casa já estava pronta e limpa, só esperando a nossa chegada que foi bem divertida, mas os primeiros meses de casados eu escrevo em outro post, esse será exclusivo para nossa deliciosa lua de mel!
Fotos para ilustar


















13 março 2012

Só pode ser TERROR NOTURNO!

Mamães há alguns dias meu filho vem sofrendo acredito eu de terror noturno, não entendia muito bem do assunto, mas fiz umas pesquisas em sites de bebes e descobri que isso é mais comum do que se imagina, ele grita apavorado de madrugada, detalhe que é toda madrugada agora, senta na cama de olho aberto mais chorando demais, e não a nada que faça ele parar, conversar, pegar no colo, fazer carinho, nada mesmo.
È desesperador ver quem a gente ama com medo e não poder fazer nada, a dica que é não mecha na criança que depois de um tempo ela acalma e dorme novamente, essa madrugada ele fez isso duas vezes...
Nós rezamos antes dele dormir, já estou o ensinando, para não ter pesadelos, mas esse terror ao que parece não tem muito a ver com pesadelos e sim com a agitação da criança, sono acumulado, enfim vou postar o que achei no babycenter na integra, caso alguém também esteja passando por isso fica a dica.



O que é terror noturno? 
Os terrores noturnos acontecem com pelo menos 5 por cento de todas as crianças, e podem começar já aos 9 meses de idade. São um transtorno do sono misterioso, que ocorrem quando a criança está numa fase em que dorme profundamente, mas não sonha. 


Durante uma crise de terror noturno, a criança pode chorar, gritar, gemer, sentar na cama e se debater. Mesmo que ela esteja de olhos abertos, não sabe que você está ali e não se acalma. A crise pode durar alguns minutos ou até mais de meia hora, e, depois que passa, a criança volta a dormir. No dia seguinte, não vai lembrar de nada. 


Mas isso não é um pesadelo? 
Os pesadelos ocorrem durante a fase do sono conhecida como REM (movimento rápido dos olhos), que é quando as pessoas sonham. Depois de um pesadelo, a criança tem idéia do motivo de estar assustada, e depois dos 2 anos começa a explicar o sonho. 


Outra coisa que acontece com os pesadelos é que a criança pode ficar com medo de voltar a dormir, e no dia seguinte consegue se lembrar de que teve um sonho ruim. 


O que eu posso fazer na hora do terror noturno? 
É claro que seu primeiro instinto vai ser tentar acalmar seu filho, mas é bem possível que nada que você faça adiante (afinal, ele está dormindo). O que dá para fazer é ficar por perto para garantir que ele não se machuque. Os especialistas recomendam nem mesmo falar com a criança ou pegá-la no colo, porque isso pode prolongar o episódio. 


Em 15 ou 20 minutos, seu filho deve se acalmar sozinho e voltar a dormir. É uma situação que costuma ser desesperadora para os pais: ver a criança ali tão assustada e não poder fazer nada. Mas é melhor, dizem os especialistas, não tentar acordá-la. Console-se ao saber que pelo menos ele não vai lembrar de nada depois. 


Há algo que eu possa fazer para evitar que o terror noturno aconteça? 
Sim, há várias medidas que você pode tomar para diminuir a chance de seu filho sofrer dos terrores noturnos. Em primeiro lugar, veja se ele está dormindo o suficiente. Crianças que ficam cansadas demais têm mais tendência a passar por terrores noturnos. 


Para fazer com que ele durma mais, prolongue a soneca da tarde, deixe-o dormir um pouco mais de manhã ou então coloque-o na cama mais cedo à noite. E capriche no ritual da hora de dormir, para ajudá-lo a se acalmar. 


Os terrores noturnos costumam acontecer na primeira metade da noite. Por isso, uma estratégia, se nada mais estiver funcionando, é dar uma leve acordada na criança de uma a duas horas depois de ela ter adormecido -- cerca de 15 minutos antes do horário em que as crises costumam acontecer. Com isso, o padrão de sono é alterado e há a possibilidade de o episódio de terror noturno ser evitado

12 março 2012

Casamento da Mamãe e Papai


Foi num dia muito especial 15/12/07, estava muito feliz, porém calma, fui no dia da noiva para relaxar e ficar linda rs, me casei em Atibaia na Igreja , dia ensolarado, clima bem gostoso e comemorativo, entre família e amigos, muita gente participou deste momento!
Meu pai estava muito emocionado, 1 minuto antes de entrar na igreja tocou a música escolhida Ave Maria, ele desabou que me emocionou também ai chorei rs...
Quando o vi o altar tive certeza que ele era o homem da minha vida, me esperava impecável, lindo com um sorriso tímido pois todos os olhares estavam para nós.
Juramos nosso amor perante a Deus e sob todas as testemunhas, e todos os anos nesta data renovo esses votos com a certeza de que fiz a coisa certa. Amor pretendo renovar votos com você até o fim da minha vida.
E prometo ser fiel na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, amando-lhe e respeitando-lhe até que a morte nos separe.
E mesmo após a passagem espero te encontrar um dia para enfim nós tornamos um só!
Te amo mais do que nunca, Aline.


"O amor nos fará irmãos amigos e amantes, pois não há união perfeita sem o dom maior do próprio criador"





















09 março 2012

Pensamento da Semana EU TE AMO... NÃO DIZ TUDO!






Você sabe que é amado(a) porque lhe disseram isso?
A demonstração de amor requer mais do que beijos, sexo e palavras.
Sentir-se amado é sentir que a pessoa tem interesse real na sua vida, 
Que zela pela sua felicidade, 
Que se preocupa quando as coisas não estão dando certo, 
Que se coloca a postos para ouvir suas dúvidas, 
E que dá uma sacudida em você quando for preciso.
Ser amado é ver que ele(a) lembra de coisas que você contou dois anos atrás, 
É ver como ele(a) fica triste quando você está triste, 
E como sorri com delicadeza quando diz que você está fazendo uma tempestade em copo d'água. 
Sente-se amado aquele que não vê transformada a mágoa em munição na hora da discussão.
Sente-se amado aquele que se sente aceito, que se sente inteiro.
Aquele que sabe que tudo pode ser dito e compreendido. 
Sente-se amado quem se sente seguro para ser exatamente como é, 
Sem inventar um personagem para a relação, 
Pois personagem nenhum se sustenta muito tempo.
Sente-se amado quem não ofega, mas suspira; 
Quem não levanta a voz, mas fala; 
Quem não concorda, mas escuta. 
Agora, sente-se e escute: Eu te amo não diz tudo!


Arnaldo Jabor





08 março 2012

Parabéns Mulherada!



SER MULHER..é viver mil vezes em apenas uma vida..é lutar por causas perdidas e sempre sair vencedora..é compartilhar na dúvida cheia de certeza..é estar em mil lugares de uma só vez..é ser forte e fingir que é frágil..SER MULHER..é ter a arrogância de viver apesar dos dissabores, das desilusões, das traições e das decepções. SER MULHER é entender as fases da lua por ter suas próprias fases

06 março 2012

Conversando com mamãe

video

5 meses de vida, aprendendo a se comunicar, meu lindinho.



Vítor se divertindo com mamãe

video


Rindo com a brincadeira da mãe, estava com 4 meses de vida, e os cabelos caindo, estava metade careca, metade cabeludo, muito engraçado.




05 março 2012

Casamento do Alex e Vanessa

Sábado dia 03 de março de 2012 fomos ao casamento de Vanessa e Alex, nossos amigos do callcenter, revemos grandes amigos e estava bem gostoso.
Amigos sejam felizes,  que Deus abençoe essa união e que venham logo os anjinhos para que vocês possam fazer parte do universo.
Segue fotos  para ilustrar o post.






02 março 2012

Pensamento da semana: Definição de filho!!!

"Filho é um ser que nos emprestaram para um curso intensivo de como amar alguém além de nós mesmos, de como mudar nossos piores defeitos para darmos os melhores exemplos e de aprendermos a ter coragem. Isto mesmo! Ser pai ou mãe é o maior ato de coragem que alguém pode ter, porque é se expor a todo tipo de dor, principalmente da incerteza de estar agindo corretamente e do medo de perder algo tão amado. Perder? Como?  Não é nosso, recordam-se?Foi apenas um empréstimo".


José Saramago





Descobertas

Já descobriu ligar o home onde já deixava o dvd do cocoricó, agora ele liga de 5 em 5 minutos, já aprendi todas as músicas, durmo e acordo com elas na cabeça, ser mãe é padecer no paraíso mesmo!
Ah ontem ele tb falou vovó.... coisa mais linda da mamãe.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...